Início do conteúdo
Dia nacional da conservação do solo
Última atualização: 17/04/2019 - 14:45 horas | Data de publicação: 17/04/2019 - 14:44 horas
Conservação do Solo

Foi publicada a Lei federal nº 7.876/1989, instituindo 15 de abril como o Dia Nacional da Conservação do Solo. Tal data foi escolhida em homenagem ao nascimento de um conservacionista estadunidense que desempenhou importante papel nesta área: Hugh Hammond Bennett (1881–1960), considerado em seu país como o “pai” da conservação do solo.

O solo é o resultado do intemperismo de rochas por agentes físicos, químicos e biológicos, como a ação de chuvas, de ventos e seres vivos, aliado à matéria orgânica. Abrigo para diversas espécies, como minhocas, fungos e micro-organismos, dele brota uma ampla vegetação capaz de formar paisagens distintas e permitir a sobrevivência de diversas espécies que interagem entre si e com o ambiente. Graças ao solo, temos fontes de alimento, matéria-prima para os mais diversos fins, reciclagem de matéria orgânica, filtração e abrigo de água, dentre outros.

Em suma, nossa existência está bastante relacionada a formação do solo e, diante de diversas agressões sofridas como desertificação, erosão, poluição direta, salinização, entre outros, é necessário um maior cuidado com os solos agrícolas. O IF Baiano, por ter em sua base de formação cursos voltados para as ciências agrárias, por décadas formou profissionais especializados em conduzir produção agropecuária, tem o solo como base para suas atividades profissionais (lavouras ou forragens) e vem lembrar a todos da importância e necessidade que é a conservação dos solos agrícolas brasileiros.

Erosão do Solo
Erosão: um problema que ameaça a qualidade dos solos.

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano – Campus Serrinha

Estrada Vicinal de Aparecida, s/n, Bairro Aparecida, Serrinha - Bahia, CEP: 48700-000

Diretor: Leandro dos Santos Damasceno
E-mail: gabinete@serrinha.ifbaiano.edu.br

Ir para o Topo